Etiqueta para congelados: qual a melhor?

Quer conhecer mais sobre os tipos e possibilidades das etiquetas para congelados? Automação Curitiba separou neste post informações importantes para te deixar por dentro deste assunto.

Compartilhe:
  • ...
  • ...
  • ...

Muitas são as dúvidas que permeiam a mente dos nossos clientes, e por isso, resolvemos criar uma série de posts para responder essas perguntas. Por isso, hoje falaremos sobre etiquetas para congelados. 


Esses produtos costumam ocupar grande parte do nosso cardápio, não é mesmo? Seja pela praticidade e agilidade, eles vêm ocupando cada vez mais espaço na nossa rotina. Nelas, você encontra de tudo, desde comidas fits e saudáveis, até aquelas que adoramos atacar nos finais de semana.


Agradando os mais diversos segmentos, sabemos que independente disso, todo alimento deve conter um rótulo com suas especificações, certo? Isso inclui data de fabricação, validade, peso, local de fabricação e tabela nutricional.


Pois é através das etiquetas e rótulos que os consumidores têm acesso a todas as informações, instruções de armazenamento e modo de preparo. Contudo, para que suporte baixas temperaturas, as etiquetas para congelados precisam ser resistentes a umidade, resistindo ao manuseio e transporte, aderindo bem a superfície da embalagem.


Confira abaixo mais informações sobre o assunto e garanta que o seu produto tenha uma boa etiqueta, visando o melhor para quem o consome.


Principais etiquetas para congelados


Nos dias de hoje é possível encontrar as mais variadas etiquetas para produtos, e elas podem ser produzidas em filme em polipropileno (BOPP), auto adesivas e em papéis térmicos. 


São utilizadas em comidas refrigeradas de diferentes estilos, desde massas, salgados congelados, doces, pastéis, caldas, entre outros.


Características das etiquetas para congelados


Para uma composição de perfeita durabilidade, é preciso que na fabricação das etiquetas seja utilizada a fita ribbon mista, que é composta por cera e resina. Essa mistura é indicada para resistir aos processos de resfriamento, garantindo a resistência da etiqueta.


Assim, a impressão não será apagada com o passar do tempo e mesmo que entre em contato com outras substâncias líquidas, manterá as informações legíveis. Pode ser confeccionada na cor branca, preta, fosca ou brilhante.


Outro tipo de etiqueta se chama couché, e ela absorve a umidade de forma lenta, e apesar de ser menos resistente à água, pode ser impressa colorida e personalizada. No processo de descongelamento do produto, ela costuma se deteriorar, principalmente se colocado em banho-maria, por exemplo. 


Como escolher as melhores etiquetas para congelados?


Como você pôde perceber, os dois principais tipos podem dar conta do recado. Entretanto, eles possuem diferentes características que, ao depender do seu produto, irão se encaixar melhor ou não.


Para obter essa resposta, é preciso observar a quantidade, prazos de entregas e qualidade do seu fornecedor para que não sofra prejuízos com clientes e questões logísticas. 


Alguns alimentos podem tranquilamente utilizar a etiqueta chouché e aproveitar as cores e personalização, enquanto outros vão necessitar das informações legíveis por mais tempo, como o caso da BOPP, mesmo que isso signifique uma personalização mais sóbria. 


Agora que você já sabe o que são as etiquetas para congelados, suas aplicações e como escolhê-las, só precisa encontrar uma empresa de qualidade que as forneça. A Automação Curitiba está aqui para te ajudar!


Com a nossa experiência e dedicação atendendo os mais variados setores, podemos te auxiliar na impressão de etiquetas e rótulos. Entre em contato conosco e confira os nossos serviços.