Etiquetas Para Produtos Químicos

Segurança e Qualidade para a Indústria Química

Compartilhe:
  • ...
  • ...
  • ...

Quando se trata de produtos químicos a fabricação, armazenagem e transporte possuem regulamentação e normas específicas, por serem

substâncias que podem ocasionar problemas à saúde das pessoas, e por vezes acidentes.

Em todo o Brasil, a etiquetagem e rotulagem de produtos químicos são regidas pela norma NBR 14725, elaborada pela ABNT.

Com essa norma torna-se obrigatória a rotulagem de todos os produtos químicos, de acordo com um documento, elaborado com base no GHS - Sistema Globalmente Harmonizado de Classificação e Rotulagem de Produtos Químicos, criado pela ONU para padronizar as informações de risco em todo o mundo.

Já a identificação para transporte terrestre, movimentação, manipulação e armazenamento de produtos químicos

(potencialmente perigosos) é regulado pela NBR 7500, esta norma que indicara as informações necessárias (símbolos, tamanhos e

placas sinalizadoras) em caixas de transporte e sinalização de veículos.

DIFERENCIAIS DAS ETIQUETAS PARA INDÚSTRIAS QUÍMICAS

A indústria química geralmente usa embalagens padronizadas, como bombonas e tambores que contém diversos tipos de produtos, de

propriedades diferentes. Por isso para identificar o risco de cada produto, é criado um adesivo, conhecido como etiqueta de risco.

Etiqueta e rótulos específicos para produtos químicos são obrigatórios, para certificar a segurança em

torno da produção, manipulação, transporte e armazenagem dos componentes. O rótulo deve incluir a identificação do produto,

validade, data de produção, lote, peso, cuidados quanto ao uso e forma de armazenamento.

TIPOS DE IMPRESSÃO E ACABAMENTO

Etiqueta e rótulos para produtos químicos devem ser produzidos em material durável e resistente as variações de temperatura, degradação por atrito, umidade e intempéries climáticas. Desta forma os materiais mais utilizados são PET (polietileno tereftalato), PE (polietileno), Bopp e Papel Couché com acabamento em verniz.

A escolha da matéria-prima utilizada dependerá da finalidade da Etiqueta para produtos químicos. Para alcançar a melhor utilização é necessário identificar as dificuldades de aderência e formato do produto.

O tipo de impressão para este tipo de etiqueta deve ser precisa, com alta definição, durabilidade e qualidade para obter leitura legível em ambientes severos.